editorial destaques

O QUE ESTÁ EM FOCO

economia sustentabilidade comunidade política saúde educação esportes polícia

COLUNAS

além da porteira curtas e picantes eco e pet vidas em foco

Política

Publicado em 10 de outubro de 2018 às 06:46h

Apesar de diminuir, bancada do PT na AL-BA mantém força do governismo de Rui

por Foco no Poder

O Partido dos Trabalhadores conquistou a maior bancada na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), com um total de 10 deputados eleitos pelo partido nas eleições do último domingo (7). O cientista político da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), Cláudio André Souza, atribui o número expressivo alcançado pelo partido a uma combinação de fatores, o que ele chama de “fator governista” e a fraqueza da oposição.

“Parece-me que o fator governista, primeiro a candidatura de Lula e a sustentação da candidatura de Haddad revela que fatores decisivos para o crescimento do partido, sobretudo na presença na máquina governamental. Um fato que influenciou foi a colocação de uma candidatura de oposição com pouco enraizamento, sem muita liderança nos municípios do interior da Bahia”, disse.

A respeito da força da bancada na Casa Legislativa, o especialista acredita que pode ir além da liderança e até ocupar a presidência. “Com uma bancada maior e ao mesmo tempo diante de um equilíbrio polarizacional, que pode ser dado pelo governo, ou seja, a partir da montagem do próximo governo a ser feita por Rui Costa, talvez o partido cresça, sobretudo na medida de ocupar não somente a liderança, mas também a possibilidade de ocupar a presidência da Assembleia”, avaliou.

A partir do resultado dessas eleições na AL-BA, o historiador político da Universidade Federal da Bahia (Ufba) Carlos Zacarias faz especulações acerca das próximas eleições municipais. Para ele, a força demonstrada pode ser projetada em 2020 na eleição para o Executivo de Salvador. “A vitória expressiva na Assembleia Legislativa da Bahia recoloca o PT no plano municipal, na disputa pela prefeitura em 2020, coisa que o partido não conseguiu disputar na última eleição”, completou. Fonte: Bahia Notícias

Compartilhe nas redes socias: FACEBOOK WHATSAPP


Colunas

Além da porteira
Confira todas as informações sobre o Agronegócio e Economia Local, oportunidades e curiosidades e muito mais.
Curtas e picantes
Engenheiro Civil, Pós Graduado em Marketing Empresarial, participa como estrategista em Campanhas Políticas desde 1985, conhecido por Dilvan Coelho.
Eco & Pet
Doutora em linguística pela PUC-RS (2014) e Mestre em Estudos de Linguagens, pela Universidade do Estado da Bahia - Uneb (2008), Cristhiane Ferreguett.