editorial destaques

O QUE ESTÁ EM FOCO

economia sustentabilidade comunidade política saúde educação esportes polícia

COLUNAS

além da porteira curtas e picantes eco e pet vidas em foco

Polícia

Publicado em 13 de junho de 2018 às 10:32h

Polícia acha áudios que mulher permitia estupro de filha de 10 anos

Caso ocorreu no município de Macajuba, a cerca de 280 quilômetros de Salvador. Suspeitos vão responder por exploração sexual e estupro de vulnerável.
por Foco no Poder
Mulher e homem foram presos  (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Mulher e homem foram presos (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Uma mulher foi presa no município de Macajuba, a cerca de 280 quilômetros de Salvador, suspeita de permitir que a filha de 10 anos fosse explorada sexualmente e estuprada. Um homem apontado como autor dos abusos contra a criança também foi localizado pela polícia e levado para a delegacia.

De acordo com a Polícia Civil, os presos, Marinalva Souza Ferreira e José dos Santos Sobral, são moradores do povoado de Santa Luzia, na zona rural do município. Eles tiveram prisão preventiva decretada pela Justiça, a pedido do delegado Almir Góes, que apura o caso.

Conforme a investigação, os crimes eram praticados por José com frequência contra a criança e sempre com a conivência da mãe da vítima.

A polícia diz que ficou evidenciado a autoria dos estupros, e a conivência da mãe da vítima, depois de analisar áudios trocados entre ele e a mãe da criança através do aplicativo WhatsApp. Os áudios não foram divulgados pela polícia, que informou que estão sob segredo de justiça.

Os dois presos foram encaminhados para a carceragem da delegacia de Macajuba e vão responder pelos crimes de exploração sexual e estupro de vulnerável. Fonte: G1/BA

Compartilhe nas redes socias: FACEBOOK WHATSAPP


Colunas

Além da porteira
Confira todas as informações sobre o Agronegócio e Economia Local, oportunidades e curiosidades e muito mais.
Curtas e picantes
Engenheiro Civil, Pós Graduado em Marketing Empresarial, participa como estrategista em Campanhas Políticas desde 1985, conhecido por Dilvan Coelho.
Eco & Pet
Doutora em linguística pela PUC-RS (2014) e Mestre em Estudos de Linguagens, pela Universidade do Estado da Bahia - Uneb (2008), Cristhiane Ferreguett.