editorial destaques

O QUE ESTÁ EM FOCO

economia sustentabilidade comunidade política saúde educação esportes polícia

COLUNAS

além da porteira curtas e picantes eco e pet vidas em foco

Especial

Publicado em 5 de outubro de 2018 às 14:43h

Ronaldo Carletto concede entrevista e faz críticas a políticos regionais

por Foco no Poder

O empresário e candidato a reeleição de deputado federal Ronaldo Carletto (PP) concedeu entrevista para a emissora de rádio Eldorado, quando apresentou aos eleitores um balanço de sua campanha pela reeleição. Durante seus comentários, falou sobre sua preocupação com emprego e renda, o descrédito da sociedade para com a política e fez duras críticas a candidatos da região do Extremo Sul.

 

Na fala de Carletto ele destacou primeiramente o momento que vive a Bahia e todo país. Ele atribuiu a descrença do eleitor à crise político-econômica e também ao descrédito da classe política. E observou que muitos cidadãos pensam em justificar seu voto. “Eu fico muito preocupado com isso. Na escolha em quem votar, ela vai escolher quais candidatos? Aqueles que compram o seu voto e viram as costas? Tem muitos desses deputados que fazem isso, e usam outras formas igualmente prejudiciais”, disse.

Ao lembrar da eleição de outros candidatos ao mesmo cargo pelo extremo sul, o candidato progressista disparou questionamentos sem citar nomes. “Qual o emprego que você gera na sua região? Você faz o quê? Aqui tem muitos que vivem do microfone, e de falar da vida dos outros. Há quem nunca trabalhou, nem terminou sequer a formatura fugiu da escola e virou deputado, fez da política sua profissão”, criticou. “Eu tenho a consciência tranquila do que já fiz, o que estou fazendo e o que poderei fazer, eu sempre busco a política de resultados. Nunca vou a uma cidade pedir votos sem antes ter prestado algum tipo de serviço”. concluiu.

Conforme suas afirmações, o eleitor deve procurar ser consciente e pesquisar. “Eu vejo muitos políticos no Congresso Nacional, e aqui em Teixeira também tem, os que querem que 10% da população fique privilegiada e 90% fique na linha da pobreza. Eu não entendo assim. Não vai adiantar nada não poder ir na rua, fazer uma ligação usando o  celular e correr o risco de alguém tomar”, comentou.

 

Ronaldo Carletto fez o balanço do que já aprovou e encaminhou para a região. Destacou o potencial turístico da região e a proposta de um grupo de trabalho voltado para a exploração desse setor; bem como apontou ainda o agro negócio, com destaque para a agricultura familiar como grande vetor de emprego e renda e suas indicações no sentido de apoiar o perdão de débitos no Congresso, através do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar – PRONAF. Esses dois setores, Turismo e Agronegócio sem dúvida que são os dois maiores fatores de geração de riqueza para a nossa região, que hoje é um grande polo de desenvolvimento da Bahia.

Ao final da entrevista, afirmou: “Eu sei de onde vim”. Passei todas as dificuldades que um homem pode passar. Eu e minha família vencemos com muita honestidade, sinceridade e correção na nossa vida. Quero ver um Extremo Sul da Bahia mais justo e mais correto, ver todos em paz, vivendo com mais harmonia, e acima de tudo com o pão de cada dia na mesa de todos, com mais educação, e mais saúde para a população e que possam trabalhar e ter seu emprego e a sua renda, quer seja na cidade ou no campo.

 

E finalizou com uma mensagem ao eleitor: “Vamos acreditar numa Região melhor. Não escolha seu candidato porque ele quer comprar o seu voto, ou porque ele tem um microfone na mão e fica falando besteira e caluniando os que trabalham. Eu procuro seguir sempre a minha consciência, e procuro votar no congresso de acordo com ela, isso porque, eu não tenho chefe. Meu chefe é Deus acima de tudo”.

Compartilhe nas redes socias: FACEBOOK WHATSAPP


Colunas

Além da porteira
Confira todas as informações sobre o Agronegócio e Economia Local, oportunidades e curiosidades e muito mais.
Curtas e picantes
Engenheiro Civil, Pós Graduado em Marketing Empresarial, participa como estrategista em Campanhas Políticas desde 1985, conhecido por Dilvan Coelho.
Eco & Pet
Doutora em linguística pela PUC-RS (2014) e Mestre em Estudos de Linguagens, pela Universidade do Estado da Bahia - Uneb (2008), Cristhiane Ferreguett.